Pedra Branca

Trilha do Parque Estadual da Pedra Branca, subida por Barra de Guaratiba
Última trilha do ano (novembro 2008)
6 horas e 20 min, somando ida e volta, de belas paisagens e muito sol.
Vale a pena conhecer.

Praia do Perigoso vista da trilha para a Praia do Meio


Praia do Meio


Tentando ir para a Praia do Canto

Pedra Bonita - RJ

Pedra Bonita - Agosto de 2008

Início da Subida


Chegada da trilha - tranquila, tempo bom de caminhada

Início da descida

Pedra do Sino

Em Julho estivemos na Pedra do Sino.

Fizemos uma preparação durante alguns finais de semana para fazer a subida num tempo menor, já nos preparando para a travessia Petrópolis-Teresópolis.

Nosso plano foi por água abaixo! Pegamos um final de semana ensolarado e lindo, mas seco e desgastante. Decidimos, então, aproveitar a trilha que é lindissima e registrar, da melhor forma possivel, todos os momentos.

Foi ótimo! Mesmo sem água.

A Véu da Noiva estava seca e a fonte do abrigo 4, no conta-gotas.

À noite, pegamos uma temperatura de -2º e um vento desesperador. Foi impressionante! Um dos componentes do nosso grupo, que ja havia feito essa trilha umas 7 vezes, disse que nunca tinha visto o Sino dessa forma.

Parece que foi uma experiencia horripilante por tudo que aconteceu, mas foi inspiradora. Queremos mais...

Fizemos alguns clipes (que ja estão no Youtube) - dá uma confirida:

http://br.youtube.com/watch?v=uJpslM79j0U
http://br.youtube.com/watch?v=9yYJRLVTEGQ&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=xRblola6Ybc&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=CfHmrJSpsU4&feature=related
http://br.youtube.com/watch?v=CbEgc74R3PM&feature=related

O Grupo

O Cabritos de Mochila surgiu após uma pequena viagem, feita por mim e um grupo de amigos a Visconde de Maua, onde iniciamos (quase sem preparo) em algumas trilhas leves.

A motivação foi tão grande, depois da primeira experiência, que resolvemos levar a coisa a serio.

Partimos por varios caminhos que motivaram a continuação e um melhor preparo do nosso grupo para enfrentar desafios maiores.

Passados mais de 2 anos, hoje nos consideramos um grupo de trekking com uma boa experiência, que ja passou por várias aventuras e esta em busca de outras.

Não visamos competições, e sim, o bem estar e o contato com a natureza; a superação de barreiras e dificuldades nas trilhas e, principalmente, v
encer os limites do corpo..